* Pensando nele, Geraldo Melo descarta apoio a Carlos Eduardo e Fábio Dantas.

O ex-senador Geraldo Melo, que voltou a cena política após convite do PSDB potiguar disse tudo em relação a posição que seu partido deve anunciar até a sexta-feira (29), em reunião da Executiva Estadual.

Geraldo Melo descartou aliança com o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), de quem seu filho e ex-secretário da Semsur, Jerônimo Melo foi delator na Justiça e revelou ainda que o vice-governador Fábio Dantas (PSB) foi uma aspiração que se mostrou inviável. Todo mundo já sabe que Fábio Dantas já anda negociando espaços para indicar o vice de Fátima Bezerra e acomodar o deputado federal Rafael Motta na aliança PT,PHS, PCdoB e PSB.

Na conjuntura com Robinson Faria, o tamborete passa ser a primeira opção do grupo. Melo acredita que a força governamental terá força para eleger um senador. 
Esse tamborete não tem nada de besta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »