* Datafolha: Bolsonaro 55% e Haddad chega a 45%. Diferença de 10%.

Pesquisa de intenção de voto para a Presidência da República divulgada pelo Datafolha neste sábado (27/10) mostra que a diferença entre o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, e petista, Fernando Haddad, caiu para 10 pontos percentuais. O militar da reserva segue à frente com 55% dos votos válidos, enquanto Haddad foi a 45%, segundo o levantamento.

Essa é a menor diferença entre os postulantes ao Palácio do Planalto em toda as Eleições 2018.Na consulta anterior do Datafolha, o capitão reformado aparecia com 58% dos votos contra 42% do ex-prefeito de São Paulo.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-02460/2018, tem confiabilidade de 95% e margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Também neste sábado, o Instituto MDA divulgou o resultado da 142ª pesquisa realizada em parceria com a Confederação Nacional dos Transportes (CNT). Segundo a sondagem eleitoral, Jair Bolsonaro (PSL) lidera a preferência dos votospara presidente da República, com 56,8% dos votos válidos – quando não são considerados brancos e nulos. Fernando Haddad (PT) chega a 43,2%. Considerando-se os votos totais, Bolsonaro aparece com 48,5% das citações, enquanto Haddad tem 37%. Neste caso, bancos e nulos somam 10,3%. Indecisos, 4,2%.

Já o Vox Populi/247 apontou empate entre o petista e o pesselista com 50% dos votos válidos cada. Nos votos totais, as intenções de voto são de a 43% a 43%. Ninguém/brancos/nulos somam 9% e “não sabe” ou “não respondeu”, 5%.

Resultado a partir das 19h

A divulgação da apuração dos votos para Presidente da República nas eleições 2018 somente terá início às 19h do horário de Brasília. O horário equivale ao encerramento da votação no Acre, às 17h do horário local. Junto com alguns municípios do Amazonas, o Acre será o último estado brasileiro a ter as eleições encerradas, decorrente do fuso horário de duas horas para menos do horário oficial.

A medida não se aplica para os votos a candidatos ao governo dos Estados, que ocorrerão em 13 Unidades da Federação e no Distrito Federal, além das cidades que terão eleições suplementares para prefeito, após impugnação do mandato. Nesses casos, a apuração começará a ser divulgada após às 17h do horário local de cada Estado. No primeiro turno, os votos para deputados estadual e federal, além de senador, também foram divulgados em relação ao horário local de cada região.
A queda de Bolsonaro é dada devido sua ausência  das ruas e dos debates.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »