* Bolsonaro admite ceder base militar para os EUA.

O presidente Jair Bolsonaro admitiu que pode ceder espaço territorial para os Estados Unidos operarem uma base militar própria no Brasil e confirmou a declaração do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, de que vai transferir a embaixada brasileira em Israel de Tel Aviv para Jerusalém. As duas medidas reforçam a inflexão na política externa com o novo governo.

Em entrevista ao SBT, Bolsonaro afirmou que pode se aproximar militarmente dos Estados Unidos diante do apoio da Rússia ao governo de Nicolás Maduro, na Venezuela.

“A Rússia fez uma manobra na Venezuela, nós sabemos qual a intenção do governo de Maduro, ou da ditadura do Maduro, e o Brasil tem que se preocupar com isso. Ao longo dos últimos 20, 25 anos, as nossas Forças Armadas foram abandonadas por uma questão política, porque nós das Forças Armadas somos o último obstáculo para o socialismo", disse o presidente. "Dependendo do que acontece no mundo, quem sabe se não precisaríamos discutir essa questão [base dos EUA no Brasil] no futuro", ponderou. Segundo ele, o Brasil procura "supremacia aqui na América do Sul".
Bolsonaro vá se preocupar com o Ceará e deixe de engolir corda pela caridade.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »