* “Não existe meio honesto”.

Sem citar o caso Fabrício Queiroz/Flávio Bolsonaro, a procuradora Monique Cheker escreveu, no fim de semana, no Twitter:
Nossa!
O Antagonista
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »