* PT volta a defender Maduro.

O PT divulgou ‘uma nota em repúdio’ à posição de Jair Bolsonaro em relação à Venezuela.

Para o partido, a decisão do governo de apoiar a declaração do Grupo de Lima, que não reconhece o mandado de Nicolás Maduro, é uma incitação a “um golpe de Estado” e “contraria as mais altas tradições da diplomacia do Brasil”.

“Essa decisão agressiva do governo brasileiro demonstra que o nosso país já não tem mais política externa autônoma, tendo-se alinhado acriticamente, e contra seus próprios interesses, à agenda geopolítica belicista e antilatinoamericana de Donad Trump”, acrescenta a nota.
Defender Maduro comendo caviar é fácil, quero ver ir morar lá sem moço.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »