* Caraúbas: Reunião define turno estudantil dos alunos da Mariana.

Ontem, onze de fevereiro do ano em curso, às 9 horas, no auditório Maria Luzineide de Lima, da Escola municipal Francisco de Acaci Viana, na comunidade de Mariana, reuniram-se com objetivo de resolver a questão do horário em que os alunos da região da várzea marianense irão estudar no ano de 2019, país, responsáveis por alunos, alunos, representação da equipe gestora e pedagógica da escola Sebastião Gurgel e representantes da comissão de transporte da secretaria de educação do município de Caraúbas, responsável pelo transporte dos alunos dessa região. 

A reunião se deu em função de que todos os alunos novatos dessa região não adquiriram vagas para estudar no mesmo horário dos que já fazem parte do quadro da escola, ou seja, alunos de segundo e terceiro anos que já estudam na Sebastião Gurgel. E que estudam no turno matutino. Após uma boa discussão, onde a escola apresentou a situação dos turnos matutino e vespertino no que se refere a quantidade de alunos por turma, onde o turno matutino não tem como acolher os demais alunos por falta de vagas e a Comissão de transportes mostrou que a municipalidade não tem como conduzir esses alunos em dois turnos em função do transporte escasso, e que a melhor condição seria todos os alunos estudarem no mesmo turno, os pais tiveram oportunidade de falar. 

Alguns colocaram o fato das estradas serem perigosas no período do inverno, haja vista com o riacho de Nestor estando cheio o ônibus tem que fazer o transporte via comunidade de Ursulina e Santa Agostinha e a estrada tem uma parte íngreme muito perigosa para o ônibus passar estando molhada. Outros pais colocaram a situação de conduzir os alunos quanto os ônibus quebrarem e os alunos correrem o risco de chegar tarde em casa. No final a comissão de transporte se comprometeu em fazer um oficio a secretaria de infraestrutura para ajeitar a estrada, inclusive vendo a possibilidade de piçarrar o alto onde tem o problema e ainda mostrou que devido a diferença de horário entre as escolas estaduais e o município terá um ônibus livre para buscar os alunos caso o ônibus quebre. 

No final ficou decidido que os alunos da região da várzea marianense irão estudar esse ano no turno vespertino e que a gestão da escola irá conduzir esforços no sentido de construir uma sala de aula para acolhida desses alunos no ano de 2019. 

A reunião foi encerrada com todos satisfeitos e apostando que será um ano de sucesso para todos.
Reunião na pauta.
Texto enviado pela escola.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »