* Reforma: idade mínima será de 62 anos para mulheres e 65 para os homens.

O secretário de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, disse nesta quinta-feira, 14, que a idade mínima para a reforma da Previdência será diferente para homens e mulheres: 65 anos para os homens e 62 anos para as mulheres.

“O presidente entendeu as condições e resolveu fazer essa distinção de gênero para que a mulher se aposente mais cedo que o homem”, afirmou a jornalistas sobre a decisão de Jair Bolsonaro, que bateu o martelo sobre a questão em uma reunião com a equipe econômica.

Por conta das idades diferentes para homens e mulheres, o tempo de transição entre as regras atuais e a nova idade foi negociado e será de 12 anos. Com as idades iguais, de 65 anos para todos, a transição seria mais lenta, de 20 anos.

Apesar disso, Marinho não detalhou se a idade diferente vai modificar o impacto da reforma, estimado em 1 trilhão de reais pela equipe econômica .”Dia 20, dia 20 a gente fala mais”, limitou-se a dizer.
Rogério Marinho na pauta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »