* Suspeito de balear pai e filha foge de hospital em Natal.

Um dos dois suspeitos de balear um homem e sua filha de 7 anos de idade na tarde de sábado (2) fugiu do hospital onde estava internado neste domingo (03), em Natal. De acordo com o Hospital Santa Catarina, a ausência dele foi percebida pelos servidores por volta das 5h. 

O homem, que tem 25 anos, estava internado na enfermaria, de onde conseguiu escapar. Ele é um dos dois suspeitos de ter baleado pai e filha no início da tarde deste sábado (02) na Zona Norte da capital.
O outro suspeito segue na unidade e, durante a manhã deste domingo (03), estava no centro cirúrgico. Ele deve ter alta ainda neste domingo (3) e seguir para o sistema penitenciário. 

A Polícia Militar confirmou que estava com uma equipe guardando os dois presos na unidade. A corporação afirmou que vai abrir uma investigação para apurar as circunstâncias da fuga. 

Após o atentado, os dois suspeitos também foram baleados, mas a PM disse ainda no sábado (02) não saber informar de onde saíram os tiros que atingiram os criminosos. 

Um deles foi socorrido ao Hospital Santa Catarina pela população e o outro foi encontrado pelos policiais fugindo, mesmo ferido. Ele foi levado pelos policiais para a mesma unidade. 

As vítimas

Uma bala pegou de raspão na cabeça da criança, que foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Potengi, junto com o pai, que também sofreu um tiro na perna. Depois do atendimento na UPA, pai e filha foram levados para o pronto-socorro Clóvis Sarinho, na Zona Leste da capital. 
Homem fugiu do hospital Santa Catarina, na Zona Norte de Natal (foto: arquivo)  — Foto: Ediana Miralha/Inter TV Cabugi
Santa Catarina na pauta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »