* Dr. Bernardo Amorim denuncia “depósito” de pacientes no Hospital João Machado.

A situação da saúde pública do estado do Rio Grande do Norte tem preocupado a população e em especial a classe médica. Como profissional da saúde, o deputado estadual Dr. Bernardo usou a tribuna da Assembleia Legislativa, para denunciar o descaso do governo com pacientes que necessitam de cirurgias e que estão sendo encaminhados para o Hospital João Machado, onde funciona o anexo do Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel. 

De acordo com o médico, que visitou a unidade na última quarta-feira (03), no local era para funcionar um hospital de retaguarda, onde os pacientes atendidos e cirurgiados, fossem levados para conclusão do tratamento. Mas o que ocorre é justamente o contrário. 

“O que ocorre hoje é que o paciente antes de ser assistido ou antes de fazer a cirurgia, está sendo colocado em um “depósito” de doentes, sem atendimentos adequado e sem saber quando será cirurgiado”, denunciou Dr. Bernardo.

A situação se agrava pelo fato da maioria dos pacientes que está na unidade hospitalar, ser formada por idosos, oriundos de todas as regiões do estado. “Confesso que, mesmo vivenciando o dia a dia dos hospitais do estado, em mais de 25 anos de profissão, em locais sem estrutura e sem condições de trabalho, fiquei chocado com a situação daqueles pacientes. 

A maioria idosos, com familiares fazendo o trabalho dos enfermeiros e sem saber que dia será operado”, lamentou o parlamentar. Dr. Bernardo enfatizou que o problema não é de agora, mas que precisa ser resolvido com urgência.

“Sabemos que isso ocorre desde o governo passado, mas não podemos deixar nossos cidadãos passando um sofrimento desse. Providências precisam ser tomadas. Da forma como ocorre hoje não pode continuar”, finalizou Dr. Bernardo Amorim.
Dr. Bernardo Amorim é sempre presente.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »