* Planalto segue com aposentadorias rurais na mira.

Apesar da pressão de colegas da comissão especial que analisa a MP 871/19 (pente-fino nos benefícios do INSS) o deputado relator Paulo Martins (PSC-PR) seguiu orientação do Planalto e manteve o artigo da Medida Provisória que acaba com a necessidade de declarações de sindicatos para que trabalhadores rurais possam requerer a aposentadoria.

Pelo parecer, que será votado nesta semana, o trabalhador deverá apresentar declaração informando que exerceu atividades no campo para ter acesso ao benefício. O Governo pretende economizar R$ 10 bilhões por ano com o combate às fraudes no INSS. Alguns deputados prevêem que isso não passa no plenário da Casa.
Maldade sem tamanho...
Coluna Esplanada
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »