* Maia prevê mais três dias de debate no segundo turno.

Adiada para o início de agosto, a votação do segundo-turno da reforma da Previdência vai provocar mais três dias de debates. A previsão é do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que, no entanto, garantiu não estar frustrado pelo fato de não ter conseguido concluir a votação da matéria neste primeiro semestre, como vinha prometendo.
Maia na pauta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »