* Vergonha: Instituto SETA caindo por terra...

A pesquisa do Instituto SETA divulgada no BLOG do BG caindo por terra após a mulher do dono ter ligações política e funcionais com a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, nossa.

Os números totalmente fora da realidade beneficiam candidatos ao governo e senado apoiado pela gestão em pauta, nossa.

O salário da mulher do dono da SETA recebe R$ 3 mil reais como cargo comissionado da gestão em pauta.

Em época de "FAKE NEWS" temos pesquisa "FAKE?"

Somente uma pergunta seu moço!

Patética e ridícula!  
Vergonha e tentativa de enganar os eleitores.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »