* Aposentados e pensionistas são maioria e ganham mais que servidores ativos no RN.

Os servidores aposentados e os pensionistas ligados à administração pública estadual são maioria e, em média, ganham mais que os servidores ativos do Rio Grande do Norte. Os dados de janeiro estão no Boletim de Informações da Administração divulgado pelo governo nesta sexta-feira (15). 
 
O estado tem 53.558 aposentados e pensionistas contra 52.346 servidores ativos. Ao mesmo tempo, enquanto os servidores que estão em atividade ganham, em média, R$ 4.332,85, os aposentados recebem R$ 4.769,66 e os pensionistas, R$ 4.639,77. 

Para se ter uma ideia da inversão ao longo de cinco anos, em 2014 o estado tinha mais de 66 mil ativos e 36,6 mil inativos. A diferença diminuiu com o passar dos anos e se inverteu no ano passado. 

"Entre janeiro de 2014 e janeiro de 2019, o número de servidores ativos caiu 21,4%, enquanto o número de inativos aumentou 47,3%. Esse movimento fez diminuir a proporção de servidores ativos em relação aos inativos (aposentados e pensionistas), que era de 1,83 para 1 no primeiro mês de 2014. Em janeiro de 2019, essa proporção chegou a 0,97 para 1, aprofundando o desequilíbrio entre ativos e inativos", diz o relatório. 

Ao todo, a folha estadual paga salários a 105.904 pessoas e soma R$ 480.856.472,00. 
Governadoria na pauta.
 G1/RN
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »