* Gasolina da Petrobras tem alta de 21% no ano, mas postos não acompanham.

A Petrobras voltará a elevar o preço médio da gasolina em suas refinarias a partir de amanhã, ao maior patamar em cerca de quatro meses e meio, embora nas bombas esse movimento não esteja sendo observado, conforme dados da petroleira e da reguladora ANP.

De acordo com dados no site da estatal, o valor da gasolina subirá 1,5% no sábado ante o praticado atualmente, para R$ 1,8235 por litro. Trata-se do nível mais alto desde o R$ 1,8466 visto em 2 de novembro.

O ganho é reflexo direto da valorização das referências do petróleo no mercado mundial, diante principalmente de cortes de oferta pelo grupo de exportadores Opep e sanções norte-americanas ao setor petrolífero da Venezuela e do Irã. Nesta semana, os preços da commodity tocaram máximas em quatro meses.
Gasolina na pauta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »