-

* Campo Grande: Seguem apurações de possíveis irregularidades, omissão e abuso político e econômico.

A edição desta quinta-feira (10) do Diário Oficial do Estado veicula cópias de portarias assinadas pela promotora de Justiça da comarca de Campo Grande, Médio Oeste do RN, bacharela Engrácia Guiomar Rego Bezerra Monteiro.

Os atos convertem Procedimentos Preparatórios em Inquéritos Civis com o objetivo de sequenciar investigações no âmbito da citada unidade do Ministério Público do RN (MPRN).

Uma das medidas instauradas se propõe a investigar suposto abuso de poder político e econômico do ex-prefeito de Campo Grande, Manoel Veras, em privilegiar seus eleitores e aliados com a concessão de programas sociais Operação Trabalho e Bolsa Trabalho.

Outra peça de averiguação visa apurar eventual omissão do citado ex-prefeito, em apresentar informações solicitadas pelos vereadores Arnaldo Bezerra, Nilson Gondim, Marilândia Holanda e Luíza Vieira.

Também continua, na referida célula ministerial da comarca sediada em Campo Grande, a apuração relativa às eventuais irregularidades na fiscalização dos recursos financeiros do projeto Governo Cidadão - antigo RN Sustentável -, possibilitando direcionamento dos mencionados recursos para privilegiar bases e aliados do Governo do Estado.

Nossa.
Alex Silva

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »