* PGR rebate alegações de Renan, Jucá, Raupp e Garibaldi.

Raquel Dodge enviou ao STF réplica às alegações das defesas de Renan Calheiros, Garibaldi Alves Filho, Romero Jucá e Valdir Raupp, no âmbito da denúncia apresentada no ano passado por corrupção e lavagem de dinheiro na Transpetro.

De acordo com a denúncia, houve repasse de verbas para o então PMDB (hoje MDB) a diretórios do partido, pela NM Engenharia e pela Odebrecht Ambiental, com a contrapartida de que essas empresas fossem privilegiadas em contratos com a Transpetro.

“Os fatos narrados na denúncia amparam-se em provas independentes, obtidas durante a investigação, aptas a confirmar as declarações dos colaboradores. Há, pois, justa causa para deflagrar a ação penal”, diz a PGR.
Garibaldi na pauta.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »